Adquira sua consulta:

19/02/2013

Cavaleiro de paus - O sedutor

Hoje eu quero falar a respeito da personalidade expressa na carta do cavaleiro de paus, justamente por isso escolhi essa imagem, o personagem central do filme Lendas da paixão, com Brad Pitt. 

Ele atua encarnando a fiel imagem de um cavaleiro de paus com seu espírito audacioso e valente - é o que faz acontecer e promove mudanças por onde quer que passe, tanto na vida das pessoas em sua volta como nos corações das mulheres que por ele suspiram. O que torna o cavaleiro de paus tão sedutor e envolvente é a capacidade de fazer o que os outros cavaleiros não fazem, pois enquanto o cavaleiro de copas é sentimento e romantismo, ele é mistério, enquanto o cavaleiro de espadas é racional e frio, ele é atirado e picante e enquanto o cavaleiro de ouros planeja e visa poder material, ele faz acontecer e para si tira proveito e prazer.

O cavaleiro de paus tem alma indomável, anseia pela liberdade dos pensamentos e principalmente das suas atitudes, não tolera ser comandado e não se permite dominar por ninguém, por isso foge da paixão ao mesmo tempo que a busca, ter uma mulher dando ordens ao seu coração é o que ele mais teme, porém o que mais deseja.

O cavaleiro de paus não quer compromissos, não gosta de obedecer regras, ele faz o que sente vontade. Ama com intensidade e sua raiva também pode ser tão intensa e cruel que o cega. 

Homens com essa personalidade podem ser facilmente confundidos com os "cafajestes", porém eles não são, pois o cavaleiro de paus não engana e nem trai, ele ama, admira e respeita, mas não assume compromissos. Diferente do tipo cafajeste que até assume compromissos, mas vive enganando e mentindo. 

O cavaleiro de paus tem alma selvagem, o cafajeste, muitas vezes parece que nem tem alma, não é?

O cavaleiro de paus é verdadeiro, primeiramente com ele mesmo. Ele diz a verdade, mesmo sabendo que poderá ferir ou magoar, mas assim ele prefere porque é como se sente bem.

Ele se arrisca, luta, protege, mas não se fixa num só lugar. De repente, quando todos estão acostumados com sua presença, ele simplesmente decide partir porque sente em sua alma a necessidade de conhecer outros lugares, outras pessoas, viver novas experiências e quando encontra outro amor é sincero e diz ao amor antigo que a história acabou porque encontrou outra pessoa.

Pode ser visto como cruel e insensível, mas é seu temperamento.

Nas minhas consultas já ouvi muitas mulheres fazendo reclamações e se lamentando por seus amados cavaleiros de paus, pois elas ficam com coração partido, se sentem frustradas, desiludidas, mas o interessante é que elas sabem que nunca foram enganadas porque eles sempre diziam a verdade, uma verdade que elas desejavam intensamente que fosse mentira.

São os homens que surgem repentinamente, provocam grandes paixões e durante todo o tempo que estiverem com a mulher que amam, serão os melhores amantes, apaixonados e intensos, mas de repente também se vão, se afastam, somem ou simplesmente dizem adeus.






Drika Gomes
Taróloga, numeróloga e terapeuta holística


Veja artigos sobre outros cavaleiros do tarot:  Cavaleiro de ouros | Cavaleiro de copas | Cavaleiro de espadas

Confira os artigos mais lidos